• Gabriela Doti

Mundanos

Somos mesmo diferentes? Onde terminam nossos limites? Um convite contundente a refletirmos sobre as nossas diferenças (se é que existem!), sobre o mundo real e o virtual, o privado e o público.



Vivemos no mundo. Somos mundanos.

Cada política é um mundo.

Cada Nação é um mundo.

Cada País é um mundo.

Cada Estado é um mundo.

Cada bairro é um mundo.

Cada esquina é um mundo.

Cada casa é um mundo.

Cada grama e cada céu são um mundo.

Eu não sei quanto a você, mas que eu sou um mundo e, que você é um mundo aparte, já não resta um mundo de dúvida.

O que tenho dúvida é que se com tantos mundos paralelos podemos algum dia chegar a nos entender. E, na verdade, é só disso que se trata.

Pois veja que há mundos e mundos.

Não???

Os pequenos, os grandes e aqueles que acreditam ser grandes.

Ah sim! Há também os mundos em fase de formação. Veja que desses se pode esperar qualquer coisa. Do mesmo modo, a espera também é outro mundo. E sobre isso não há o que falar.

O oceano é um mundo, principalmente, quando se sobrevoa, pois há de se ter um mundo de paciência.

Veja que há gente que adora acumular mundos. Sim, pois se não lhes bastasse a Terra, querem Saturno, Marte, a Via Láctea e por aí vai.

Claro. É que como nosso mundo é ínfimo, então resolvemos “mundializar” a coisa. Sim. E o mundo ficou chato: um “ctrl-c ctrl-v” de quem o “mundializa” em qualquer lugar, a qualquer custo, por qualquer outro mundo de despropósito. 

Então, criaram a internet. Outro mundo. Não há o que falar.

- Mas bah loco, senão não se chamaria www, né?

Ok Gaúcho, sigamos.

Há um desmundo de informação, em que todos criam mundos de opinião, desinformação, confusão, onde um mundo de coisas se faz no tal mundo Internet. 

Veja que em poucos anos a próxima geração vai nascer a partir do mundo da web.

- Ei, fulano, dirá o internauta (ou melhor, astronauta): onde nasceu o teu filho?

Responde o louco todo feliz: no Post do Facebook.

Ah sim? E como se chama?

Responde o louco:








Só me resta dizer:











Ah sim: e tudo isto dito por Whats, claro!

E o que mais você quer que eu diga? Outro mundo não?...

Mas a boa noticia é que seguimos todos mundanos.

Ah! Esqueci de dizer que também está o tal mundo particular.

E o privado, lógico.

A diferença?

Um, você paga para criá-lo. O outro, bem…o outro, vem por herança.




♪ ♪ ♪



♪ Sugestões da Playlist das Crônicas de um Mundo Nada Particular


Cambalache, Enrique Santos Discépolo/ Interprete, Julio Sosa

Guitarra Dimelo Tu, Atahualpa Yupanqui/ Interprete Mercedes Sosa

Sin cambio, Gabriela Doti

World of Illusion, Gabriela Doti

You've Got a Friend, Carole King

Ain't Got No/I Got Life,Nina Simone


2017 © Copyright// Doti Produções